Associação Brasileira de Tecnologia
para Construção e Mineração

Movimento Reformar para Mudar debateu o ambiente de negócios no país

O Movimento Reformar para Mudar reuniu-se virtualmente no dia 24 de junho para analisar como melhorar o ambiente de negócios no país. O presidente da Sobratema, Afonso Mamede, participa dessa iniciativa. 

Para a ocasião, David Kallás, sócio da KC&D e professor Insper, apresentou o ambiente de negócios no Brasil e como torná-lo mais atraente para os investidores estrangeiros e nacionais. Entre as suas observações, o professor destacou o ‘Consenso de Washington’, que estabelece a visão sobre o modelo ideal analisando itens como disciplina fiscal, prioridades em gastos públicos, reforma tributária, liberalização financeira e de comércio, taxa de câmbio, privatização, direitos de propriedade etc. “Os países emergentes diferem dos desenvolvidos e também entre si”, destacou.

Para mudar o ambiente de negócios no Brasil, o professor destacou três estratégias políticas. A primeira é de informação, na qual entre as táticas estão lobby, financiamento de projetos de pesquisa, depoimentos como especialistas em determinado assunto e financiamento de relatórios técnicos ou de opinião. Já a estratégia de incentivo financeiro visa a contratação de pessoas políticas para se tornarem membros de empresas. Essa estratégia almeja atingir o decisor político por meio do fornecimento de incentivos financeiros.

Para a construção de base de suporte (indiretas), Kallás, apontou a mobilização de base de empregados, fornecedores etc, propaganda política, relações públicas conferências de imprensa e programas de educação política. “Busca atingir o decisor político indiretamente, por meio do suporte da ‘opinião pública’ e base de eleitores”, afirmou.

Integram a frente Reformar para Mudar as seguintes entidades:

Aabic (Associação das Administradoras de Bens Imóveis e Condomínios do Estado de São Paulo)

ABCON (Associação Brasileira das Concessionárias Privadas de Serviços Públicos de Água e Esgoto)

Abemi (Associação Brasileira de Engenharia Industrial)

Abifer (Associação Brasileira da Indústria Ferroviária)

Abrainc (Associação Brasileira das Incorporadoras)

Abrasce (Associação Brasileira de Shopping Centers)

Abrasip (Associação Brasileira de Engenharia de Sistemas Prediais)

Abrinstal (Associação Brasileira pela Conformidade e Eficiência de Instalações)

ACSP (Associação Comercial de São Paulo)

Adit (Associação para o Desenvolvimento Imobiliário e Turístico do Brasil)

ADVB (Associação dos Dirigentes de Vendas e Marketing do Brasil)

Aelo (Associação das Empresas de Desenvolvimento Urbano)

Apeop (Associação para o Progresso de Empresas de Obras de Infraestrutura Social e Logística)

AsBea (Associação Brasileira dos Escritórios de Arquitetura)

Alshop (Associação Brasileira de Lojistas de Shopping)

Brasinfra (Associação Brasileira dos Sindicatos e Associações de Classe de Infraestrutura)

CBIC (Câmara Brasileira da Indústria da Construção)

Cofeci (Conselho Federal dos Corretores de Imóveis

Deconcic/Fiesp (Departamento da Indústria da Construção e Mineração da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo)

Fiabci-Brasil (Federação Internacional das Profissões Imobiliárias)

IE (Instituto de Engenharia)

Sciesp (Sindicato dos Corretores de Imóveis do Estado de São Paulo)

Secovi-SP (Sindicato da Habitação)

Sinaenco (Sindicato Nacional das Empresas de Arquitetura e Engenharia Consultiva)

SindusCon-SP (Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado de São Paulo)

Sinicesp (Sindicato da Indústria da Construção Pesada do Estado de São Paulo)

Sinicon (Sindicato Nacional da Indústria da Construção Pesada)

Sobratema (Associação Brasileira de Tecnologia para Construção e Mineração)

SRB (Sociedade Rural Brasileira)